ONU CONDENA VIOLÊNCIA QUE CAUSOU MORTES EM PROTESTOS NA NIGÉRIA

Nações Unidas podem apoiar os esforços nacionais em busca de uma solução. 

Secretário-geral quer fim da brutalidade e abusos às forças policiais; apelo aos manifestantes é que se expressem de forma pacífica; incidentes de terça-feira resultaram em várias mortes e pelo menos 25 feridos na maior cidade do país, Lagos. 

O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, declarou que vem acompanhando os recentes acontecimentos na Nigéria e pediu o fim da brutalidade policial e dos abusos denunciados no país. 

O presidente Muhammadu Buhari pediu “compreensão e calma” aos manifestantes

Em nota emitida pelo seu porta-voz, o líder das Nações Unidas condena a escalada da violência que na terça-feira provocou várias mortes e feridos na maior cidade do país, Lagos. 

Unidade policial  

Agências de notícias anunciaram que Lagos e outras regiões estão sob toque de recolher indefinido de 24 horas. A medida foi declarada após duas semanas de protestos contra uma unidade policial agora desmantelada. 

Os relatos das agências realçam que a tensão aumentou nesta quarta-feira com manifestantes usando redes sociais para reunir multidões. A polícia em diferentes distritos de Lagos atirou para o ar para dispersar os que desafiavam o toque de recolher. 

Mesmo com apelos do presidente Muhammadu Buhari por “compreensão e calma”, há registro de tiroteios atribuídos à polícia. 

Em sua nota, Guterres expressa solidariedade às famílias enlutadas e deseja uma rápida recuperação aos feridos. O apelo feito às autoridades é que investiguem os incidentes e responsabilizem os autores. 

Violência  

Dirigindo-se às forças de segurança, o chefe da ONU sublinhou que devem agir “sempre com a máxima contenção”. Já a mensagem aos manifestantes é que o façam de forma pacífica e evitem a violência.   

Guterres terminou o pronunciamento pedindo que as autoridades “explorem rapidamente vias para acalmar a situação.” Ele garantiu a prontidão das Nações Unidas em apoiar os esforços nacionais em busca de uma solução. 

Nações Unidas dizem estar prontas para apoiar esforços nacionais em busca de uma solução.

Fonte: ONU NEWS

m§ß

Guiné Conacri: Cellou Dalein Diallo declara vitória nas eleições presidenciais

GUINÉ CONACRI

Cerca de 5,4 milhões de eleitores foram chamados às urnas na Guiné Conacri a 18 de Outubro, para eleger o sucessor do Presidente Alpha Condé, candidato a um contrverso e polémico terceiro mandato e o seu opositor histórico Cellou Dalein Diallo, que já proclamou vitória.

A Guiné Conacri aguarda os resultados das eleições presidenciais de 18 de Outubro, às quais concorreram 12 candidatos, mas cujos ultra favoritos são o Presidente cessante Alpha Condé e Cellou Dalein Diallo, seu adversário pela terceira vez desde 2010.

Os resultados oficiais só serão conhecidos no final da semana e caso não haja maioria absoluta, uma segunda volta está agendada para 24 de Novembro.

Entretanto, esta segunda-feira, 19 de Outubro, Cellou Dalein Diallo reivindicou a sua vitória na primeira volta, facto rejeitado pela Comissõ Eletoral Nacional Independente – Céni.

José Maria Neves, antigo primeiro-ministro de Cabo Verde, chefia no terreno a Missão de observação eleitoral da CEDEAO, Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental e em declarações à Televisão de Cabo Verde admite que a votação decorreu em “clima de serenidade” que as eleições foram “livres, transparente e inclusivas com representates de todos candidatos nas mesas de voto” realçou “uma forte afluência, o civismo e a adesão dos guineenses ao processo eleitoral, contrariamente aos receios levantados“.

Fonte: rfi

Nova conselheira de Guterres espera “orgulhar a comunidade lusófona”

A cabo-verdiana Cristina Duarte é a nova conselheira especial para África do secretário-geral das Nações Unidas; na organização, a economista teve passagem pelo Comitê de Peritos em Administração Pública e pelo Conselho Consultivo de Alto Nível em Assuntos Econômicos e Sociais; em entrevista à ONU News, ela apresenta suas prioridades.

ONU NEWS

Crie um novo site no WordPress.com
Comece agora